Livros

Tweet

Jogos Cooperativos nas Organizações

As relações humanas no trabalho vêm sendo modificadas pelo vertiginoso desenvolvimento tecnológico observado nas últimas décadas.

As máquinas, cada vez mais sofisticadas, ao executarem tarefas pesadas e ao reduzirem o esforço humano deveriam, hipoteticamente, estar atuando para ampliar o tempo destinado a pensar, criar e desfrutar o prazer da existência. À medida, porém, que a tecnologia intensifica sua presença no mundo produtivo, as relações humanas inclinam-se para a mecanização e o isolamento. Há um flagrante descompasso entre os avanços - de inquestionável valo-alcançados pelas novas tecnologias e a melhoria da qualidade de vida no universo do trabalho.

Com uma profícua produção intelectual, científica e tecnológica, os homens e as mulheres desta passagem de século descuidaram-se, no entanto, de seu próprio desenvolvimento. A vida social tem enfatizado valores excessivamente materialistas e pragmáticos, permeados por normas restritivas, que inibem comportamentos inovadores e posturas ousadas. A incorporação desses modelos tolhe a expansão da espontaneidade criadora e nutre a multiplicação de indivíduos rígidos, circunscritos às barreiras de seu próprio mundo.

A fim de superar essas limitações, importa reaprender o exercício do contato interpessoal espontâneo, autêntico e desinteressado. Nesse sentido, os propósitos contidos na pedagogia dos Jogos Cooperativos, os quais nos convidam a viver uns com os outros, em vez de uns contra os outros, estimulam a aprendizagem de valores solidários e exploram as possibilidades da integração social. A presente publicação, ao refletir sobre o alcance dos Jogos Cooperativos no âmbito do trabalho, representa um esforço construtivo em direção ao debate de idéias voltadas à melhoria das relações humanas nas organizações. Mais do que isso, traduz a concepção do SESC de São Paulo acerca das empresas, compreendidas como agentes de mudanças culturais, como promotoras de valores democráticos e como espaços sociais em cujos domínios torna-se possível conciliar eficácia e auto-realização, eficiência e cooperação.

Este livro é vendido na biblioteca do SESC Paulista, em São Paulo - SP
Contato para aquisição de exemplares: (11) 3179-3579 com Maria Silvia.

VOLTAR SUBIR INDIQUE A UM AMIGO IMPRIMIR HOME